18 abr

Ministério das Cidades incentiva a pesquisa para melhorar habitação no Brasil

A Universidade Federal do Amapá foi contemplada com o programa Proext edital nº 5 do Ministério das Cidades, no dia 14 de abril os coordenadores do programa apresentaram seus projetos em Brasília, a reunião  foi presidida pela diretora Júnia Santa Rosa, responsável pelo do Departamento de Desenvolvimento Institucional e Cooperação Técnica.

Durante o ano de 2011 será desenvolvido o projeto de extensão “Assentamentos Precários nas Áreas Úmidas da Amazônia Setentrional: Investigações na Habitação e Urbanismo”. Coordenado pela professora do curso de arquitetura e urbanismo Bianca Moro de Carvalho.

Quatro alunos bolsistas foram selecionados: Mário Renato da Silva Lobato, Jacy Soares Correa Neto, Suéllen Conceição de Oliveira da Silva  e David de Souza Braga .

OBJETIVO GERAL:

Realizar estudos nos assentamentos precários do município de Macapá, que tenham perspectivas voltadas para o processo de urbanização, identificando os fatores geradores de espaços irregulares .

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

• Formar um banco de dados sobre a situação .

• Proceder levantamento de informação disponíveis sobre áreas de preservação ambiental invadidas.

• Aprofundar o conhecimento e a informação sobre o mercado, identificando potencialidades, bloqueios e falhas, que incluam a habitação, o transporte e o acesso aos equipamentos urbanos.

• Identificar práticas, técnicas ou metodologias inovadoras nas áreas da mobilidade,eficiência energética, preservação ambiental e alternativas habitacionais.

Mapa das áreas a serem pesquisadas

comentários

Emerson Santos 9/5/2011 - 18h 25

Parabéns ao Grupo de Pesquisa, estou vendo que o trabalho vai longe!

deixe seu comentário

* Seu comentário:


four − = 0